Tudo para você melhorar a performance dos seus equipamentos e evitar manutenções de alto custo. Fale com um especialista

Manutenção

A importância do TBN para motores a diesel

 21 de setembro

Introdução

A análise de óleo é a única ferramenta de manutenção preditiva que consegue detectar antecipadamente qualquer irregularidade no equipamento utilizando o óleo lubrificante como meio e, desta forma, maximizar o desempenho e reduzir os custos de manutenção das máquinas da sua empresa.

Uma das análises utilizadas para o monitoramento da saúde dos motores é o TBN, análise que monitora o nível do aditivo adicionado ao óleo novo que se destina a neutralizar os ácidos nocivos gerados durante o processo de combustão.

Análise em lubrificantes

Antes de de entrarmos no detalhe da análise TBN é importante destacarmos a importância da análise de óleo lubrificante como ferramenta de manutenção preditiva. Os lubrificantes têm funções vitais no desempenho dos equipamentos, sendo responsáveis por manter as peças separadas entre si, realizar a troca de calor e com isto arrefecer os compartimentos da máquina internamente, a transportar as “sujeiras” geradas internamente para o filtro de óleo.

Tal qual o sangue no corpo humano, o lubrificante pode fornecer informações vitais para o correto monitoramento da saúde de sua máquina.

Neste artigo, explicamos melhor como é o processo de análise de óleo realizado pela Oilcheck, primeiro procedimento feito com os clientes.

O TBN

Durante a queima do óleo diesel são formados vários compostos químicos gasosos corrosivos que passam através dos anéis, entram no motor e causam a degradação do lubrificante. Os principais vilões são os compostos de enxofre que podem formar ácidos altamente corrosivos na presença de água.

A análise de infravermelho detecta a quantidade destes compostos de enxofre presentes no lubrificante e quanto maior este valor, maior a contaminação. Entretanto, somente o resultado de sulfatos não é suficiente para saber as condições do lubrificante, é necessário correlacioná-lo a outro resultado importantíssimo e pouco utilizado para obter uma avaliação mais precisa.

Alguns óleos lubrificantes possuem em sua formulação um tipo de aditivo chamado detergente. Este aditivo contém cálcio e magnésio, ou somente um deles. Ele acrescenta ao lubrificante uma característica “básica” que tem como uma de suas principais funções evitar a formação de compostos ácidos, principalmente aqueles formados pelo enxofre. É possível determinar a quantidade deste aditivo básico através da análise de Número de Basicidade Total (TBN).

À medida que o resultado de sulfatos aumenta, o resultado do TBN diminui, pois uma molécula do aditivo neutralizou a formação de um ácido e perdeu sua função como aditivo. Com isso, podemos concluir que os resultados de TBN estão diretamente relacionados aos de sulfatação.

Mas atenção, deve-se sempre observar os valores iniciais de TBN (óleo novo). Há lubrificantes que têm valores iniciais de TBN mais elevados e, portanto, suportam uma maior contaminação por compostos de enxofre.

Conclusão

Por isso, verifique se seu resultado de análise de óleo contempla o ensaio de TBN. Ele é quem determina realmente se o óleo está protegendo seu motor ou não!

Aproveite para conferir 3 dicas para o óleo do seu equipamento durar mais.

 

Comentários:

Pedro Hernandes | 19 de junho
Que bom que gostou Mauricio! Ficamos felizes com o feedback, caso tenha interesse em se aprofundar, segue: http://materiais.oilcheck.com.br/lubrificantes-como-tomar-as-melhores-decisoes

Comentários:

MAURICIO FERREIRA CAMPOS | 14 de junho
excelente explicaçao sobre TBM , utilizei parte dela expor no meu TCC.

Comentários:

Pedro Hernandes | 19 de março
Obrigado pelo feedback Gilvam! Caso tenha interesse, segue nosso eBook sobre contaminação do óleo diesel: http://materiais.oilcheck.com.br/contaminacao-do-oleo-diesel

Comentários:

gilvam da costa | 08 de janeiro
muito bom artigo. Parabéns !!

Posts

Mais lidos

Manutenção Preventiva x Manutenção Preditiva: Saiba a Diferença Manutenção preditiva: tudo o que você precisa saber sobre o assunto Quais os objetivos da manutenção preditiva? Análise de óleo: tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Descubra o que é MTTR e MTBF e quais são suas diferenças O que significa o S10 para óleo diesel? As falhas mais comuns ligadas à lubrificação de motores Saiba qual é o Planejamento e Controle da Manutenção ideal As cinco funções básicas do óleo lubrificante Motor a diesel: você conhece suas principais partes?

Material

Gratuito

Gostou do que leu? Deixe um comentário!

Receba as atualizações e novidades do Blog

Thank you! Your submission has been received!

Oops! Something went wrong while submitting the form :(

ASSINE A NEWSLETTER DO BLOG
MANUTENÇÃO PREDITIVA
E SAIBA TUDO PARA MELHORAR
A PERFORMANCE DOS SEUS EQUIPAMENTOS