Tudo para você melhorar a performance dos seus equipamentos e evitar manutenções de alto custo. Fale com um especialista

Manutenção

Entenda o modelo de manutenção e a periodicidade ideal para geradores

 19 de abril

Apesar de ter poucas partes móveis, um gerador industrial contém componentes sensíveis, que necessitam de atenção regular por parte do proprietário. Além disso, trata-se de um equipamento complexo, que demanda alto grau de conhecimento durante o manuseio. No post de hoje, você vai entender a importância da manutenção em gerador e como os métodos de manutenção preditiva podem prolongar a vida útil desse equipamento.

Importância da manutenção em geradores

O plano de manutenção é uma ferramenta essencial para garantir maior vida útil ao gerador de energia. O objetivo dessa ação é atestar a qualidade e o correto funcionamento da máquina periodicamente, certificando-se sempre do bom funcionamento dos equipamentos. Tal manutenção garante o máximo desempenho sempre que sua utilização for necessária.

A manutenção em gerador deve ser realizada em intervalos de tempo determinados, analisando, dentre outros aspectos, a capacidade do gerador de produzir e armazenar energia, seus componentes e peças e seu estado real. No entanto, é preciso ter cuidado, já que uma manutenção mal feita ou executada de maneira incorreta pode fazer com que diversos problemas ocorram no fornecimento de energia.

Além disso, o não cumprimento das normas estabelecidas pelo fabricante pode anular a garantia do gerador de energia, tornando ainda mais importante seguir os procedimentos e os reparos de maneira correta. Somente profissionais autorizados podem fazer o plano de manutenção do gerador, seguindo sempre as orientações.

Periodicidade e tipos de manutenção ideal por período

Se você quer prolongar a vida útil do seu gerador e reduzir o desperdício de energia do seu equipamento, um cronograma pode ajudá-lo. Com ele, você fica por dentro das medidas de manutenção que devam ser executadas:

– Diariamente

  • Checagem de combustível – Verifique o nível de combustível e adicione mais, se necessário;
  • Checagem do aquecedor de refrigerante – Certifique-se de que o aquecedor está firme no lugar e realize a inspeção para ver os sinais de desgaste;
  • Tubulação de ar – Observe se a tubulação está bem ligada ao radiador, atentando-se nos sinais de desgaste, caso haja;
  • Inspeção geral – Veja se não há traços de carbono e poeira que se acumulam, peças soltas ou sinais de corrosão nas peças;
  • Checagem do óleo – Verifique o nível de óleo e adicione óleo, se necessário.

– Semanalmente

  • Drenagem do tanque de combustível – Escorra a água do fundo do tanque até que o combustível diesel apareça;
  • Drenagem do filtro de combustível – Escorra a água do fundo da caixa do filtro de combustível;
  • Carregador de bateria – Examine a leitura da tensão flutuante sobre o carregador e ajuste a tensão, caso seja essencial;
  • Filtro de ar – Inspecione o filtro de ar para a retirada de detritos. Limpe o filtro conforme o necessário.

– Mensalmente

  • Verificação da bateria – Confira a carga da bateria de partida e examine as conexões para folgas e corrosão;
  • Unidade de tensão da correia – Verifique a tensão adequada do cinto e realize a inspeção com relação aos sinais de desgaste;
  • Concentração de refrigerante – Com um hidrômetro, pegue uma amostra do líquido de arrefecimento. Depois, observe a sua concentração, recorrendo sempre ao Manual de Serviço do fabricante.

– Semestralmente

  • Mangueira do radiador – Verifique a ligação das mangueiras do radiador e inspecione-as quanto a sinais de desgaste;
  • Mudança do filtro de combustível – Altere o filtro de combustível, não importando o nível de acumulação de sedimentos;
  • Limpeza do cárter de respiro – Limpe o cárter de acordo com o Manual de Serviço do fabricante;
  • Mudança do filtro de refrigerante – Faça a substituição do filtro de refrigerante, mesmo que o gerador tenha sido utilizado em uma queda de energia não simulada;
  • Mudança do elemento do filtro – Substitua o elemento do filtro de ar, não importando o nível de acumulação de detritos.

– Anualmente

Anualmente, o gerador deve passar por uma limpeza completa de seu sistema de refrigeração.

 

Vantagens de ter um plano estruturado de manutenção

Um plano estruturado de manutenção traz diversas vantagens para sua empresa. Além de aumentar a confiabilidade dos equipamentos, o plano prolonga a vida útil do gerador, que pode durar décadas. O plano também reduz o desperdício de energia e de custos com reparos mais graves e melhora a qualidade do fornecimento de energia.

 

Conclusão

Como você viu neste post, um gerador industrial é um equipamento mais complexo e que contém componentes que demandam atenção regular. Com um plano de manutenção ideal, é possível aproveitar ao máximo a capacidade do equipamento e gerar benefícios para o seu negócio.

 

Quer entender melhor como a manutenção preditiva pode ajudar você? Agende uma conversa gratuita com um de nossos especialistas.

Comentários:

Manutenção Preditiva | 22 de outubro
Muito obrigado, Cláudio. Qualquer dúvida estamos à disposição.

Comentários:

Cláudio Luciano | 20 de outubro
Adorei o conteúdo é muito rico

Posts

Mais lidos

Manutenção Preventiva x Manutenção Preditiva: Saiba a Diferença Manutenção preditiva: tudo o que você precisa saber sobre o assunto Quais os objetivos da manutenção preditiva? Análise de óleo: tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Descubra o que é MTTR e MTBF e quais são suas diferenças O que significa o S10 para óleo diesel? As falhas mais comuns ligadas à lubrificação de motores Saiba qual é o Planejamento e Controle da Manutenção ideal As cinco funções básicas do óleo lubrificante Motor a diesel: você conhece suas principais partes?

Material

Gratuito

Gostou do que leu? Deixe um comentário!

Receba as atualizações e novidades do Blog

Thank you! Your submission has been received!

Oops! Something went wrong while submitting the form :(

ASSINE A NEWSLETTER DO BLOG
MANUTENÇÃO PREDITIVA
E SAIBA TUDO PARA MELHORAR
A PERFORMANCE DOS SEUS EQUIPAMENTOS