Tudo para você melhorar a performance dos seus equipamentos e evitar manutenções de alto custo. Fale com um especialista

Análise de Óleo

Viscosidade dos óleos lubrificantes

 12 de dezembro

A viscosidade é a medida da resistência de um fluido  ao escoamento. De forma geral, ela serve para determinar o tipo de óleo lubrificante a ser utilizado em cada caso.

A viscosidade do óleo precisa atender a várias circunstâncias em um compartimento. Como a temperatura, a velocidade do sistema e o tamanho da carga e das folgas. A análise de óleo e a otimização da viscosidade são ferramentas essenciais para aprimorar a eficiência energética. O que evita o desgaste dos componentes e amplia a vida útil do sistema.

 

A importância da viscosidade dos óleos

Propriedade mais importante do óleo lubrificante, a viscosidade proporciona melhor resistência de filme. Evitando desgaste de superfícies deslizantes, arraste e contato metal-metal.

Se a velocidade do sistema for alta, a viscosidade do lubrificante deverá ser menor, pois, nesse caso, a formação da película do óleo é mais facilitada. Em relação à carga, quanto maior for sua aplicação, maior deve ser a viscosidade, ampliando sua resistência e evitando o rompimento da película.

Por outro lado, o aumento da temperatura faz com que a viscosidade do óleo lubrificante diminua. É importante ter cuidado: se o óleo estiver muito grosso quando o motor está frio, ele não se movimentará adequadamente pelo compartimento. Se ele se tornar muito fino quando o motor estiver quente, não dará a proteção correta contra o desgaste do motor. Por fim, se as folgas do motor são menores, a viscosidade do óleo lubrificante também deve ser menor para que ele possa penetrar devidamente em todas as partes.

A viscosidade pode cair em razão de fatores como a diluição de combustível em máquinas a combustão interna, completação com um tipo de óleo incorreto, ou adição de aditivos não indicados ou até o vazamento de outro óleo ou elemento de processo. Outros fenômenos fazem com que a viscosidade do lubrificante aumente, como é o caso de carga excessiva de fuligem em motores a combustão, se o sistema de filtragem não estiver com funcionamento adequado, contaminação por produtos do processo ou outros lubrificantes de outras partes, oxidação do óleo e vários outros fatores.

A viscosidade dos óleos lubrificantes

Análise de óleo e a manutenção preditiva

Por meio da análise de óleo, é possível saber se houve alteração na viscosidade do lubrificante. Essa análise permite realizar avaliações laboratoriais precisas sobre o lubrificante utilizado nos equipamentos. Além de questões de viscosidade. A análise de óleo possibilita detectar desgastes das peças móveis dos equipamentos e a presença de substâncias contaminantes.

A análise de óleo gera um diagnóstico preciso, que possibilita antecipar possíveis erros. Sem que o desempenho do motor seja comprometido com uma falha futura. Com esse procedimento, a vida útil dos componentes é ampliada. Reduzindo assim, gastos com peças de reposição, trocas de óleo desnecessárias e mão de obra em manutenções não programadas.

A análise de óleo é uma das mais importantes ferramentas da manutenção preditiva. Em seus procedimentos, o responsável pela manutenção é capaz de identificar as condições reais das máquinas. Por meio de dados que informem o status atual de degradação, antes mesmo que apresentem os primeiros sinais de falhas.

 

Conclusão

A viscosidade é a propriedade mais importante do óleo lubrificante. E proporciona melhor resistência de filme, evitando uma série de desgastes e falhas. Ela pode ser acompanhada pela análise de óleo, que, junto às demais ferramentas da manutenção preditiva, identifica as condições reais de motores e máquinas.

Faça a análise de óleo dos seus equipamentos com a ALS e reduza custos com manutenção.

Versão 31/03/2018

Posts

Mais lidos

Manutenção Preventiva x Manutenção Preditiva: Saiba a Diferença Manutenção preditiva: tudo o que você precisa saber sobre o assunto Quais os objetivos da manutenção preditiva? Análise de óleo: tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Descubra o que é MTTR e MTBF e quais são suas diferenças O que significa o S10 para óleo diesel? As falhas mais comuns ligadas à lubrificação de motores Saiba qual é o Planejamento e Controle da Manutenção ideal As cinco funções básicas do óleo lubrificante Motor a diesel: você conhece suas principais partes?

Material

Gratuito

Gostou do que leu? Deixe um comentário!

Receba as atualizações e novidades do Blog

Thank you! Your submission has been received!

Oops! Something went wrong while submitting the form :(

ASSINE A NEWSLETTER DO BLOG
MANUTENÇÃO PREDITIVA
E SAIBA TUDO PARA MELHORAR
A PERFORMANCE DOS SEUS EQUIPAMENTOS